Ceuta: uma reflexão

Quando voltamos os olhos para o que se passa neste momento em Ceuta podemos sentir uma certa estranheza, uma vez que vivemos num estado e numa União Europeia que desenvolvem com certa frequência uma série de atividades e iniciativas “em defesa dos seres humanos”. Ver a imagem de bebes, crianças e jovens prestes a se … Continue reading Ceuta: uma reflexão

Amor entre eles, ódios contra nós – amor entre nós, ódio contra eles

A repetição dos encontros de conciliação amorosa entre Marine Le Pen do Rassemblement National (RN), partido de extrema-direita francês, com André Ventura do Chega, partido de extrema-direita português, é o principal argumento para que no dia 10 estejamos na rua a dizer com todas letras que o ódio não pode ter lugar na política portuguesa … Continue reading Amor entre eles, ódios contra nós – amor entre nós, ódio contra eles

Eu também não gostava de política

Publicado no site da deputada Joacine Katar Moreira Uma das questões que mais me inquietaram ao longo do meu processo de perceção da possibilidade de impacto da minha intervenção política na realidade era: mas pra quê? Convenhamos, ter atividade política não é uma tarefa de um dia. Exige estudo, comprometimento, tempo e, acima de tudo, … Continue reading Eu também não gostava de política

Ir à raiz: mais políticas sociais, menos violência policial

Publicado no Público a 22/12/2020 O bárbaro assassinato de Ihor Homenyuk e seu encobrimento por diversas instituições, assim como tantos outros casos de violência policial, exigem que sejam feitas mudanças estruturais. O combate à sistemática violência de Estado sobre as populações imigrantes, racializadas e pobres faz-se indo à raiz do problema. O assassinato de Ihor … Continue reading Ir à raiz: mais políticas sociais, menos violência policial

Sobre fusão do SEF com PSP: Fundir homicídios com espancamentos?

Imaginem Março e um corpo de um homem nos seus 40, deitado numa das salas frias do centro de instalação temporária do SEF no Aeroporto de Lisboa, de barriga para baixo, algemado, com os pés atados por ligaduras. Inanimado depois de ter sido covardemente espancado sob a guarida do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras de … Continue reading Sobre fusão do SEF com PSP: Fundir homicídios com espancamentos?

Continuar com força, não abandonar o diálogo entre os vários sectores em luta

Foi publicado no portal do GOV português no dia 5 de Novembro de 2020 que nesse mesmo dia entraria em funcionamento “o primeiro espaço de atendimento às vítimas de violência doméstica e/ou de práticas tradicionais nefastas, no Centro Nacional de Apoio à Integração de Migrantes (CNAIM) de Lisboa.” Não faltam más notícias pelo mundo, desde a pandemia, … Continue reading Continuar com força, não abandonar o diálogo entre os vários sectores em luta

De Janeiro a Janeiro, a presença das mulheres na rua é indispensável

É inevitável começar o texto com estatísticas lamentáveis: só em Novembro de 2020, 3 mulheres foram mortas. Desde o início do ano, 30 mulheres foram assassinadas. Destas 30, 16 assassinadas pelos companheiros ou por homens com quem mantinham relações de intimidade. Em média, as queixas apresentadas de violência doméstica são 40 ao dia desde o … Continue reading De Janeiro a Janeiro, a presença das mulheres na rua é indispensável

Uma epidemia chamada capitalismo e uma doença chamada desespero

Hoje não vos trago nada muito elaborado, nada no sentido que costumam ler por aqui. Vim falar sobre uma dimensão extremamente importante não só na atividade política como em tudo que fazemos: a dimensão pessoal, a nossa relação com as nossas emoções e com as das outras  como parte integrante de uma práxis revolucionária. Escrevo … Continue reading Uma epidemia chamada capitalismo e uma doença chamada desespero

O Chega e a grande máquina de bebés a baixo preço

Está em voga ouvirmos por aí que a “família tradicional” está sob ataque. Não é assim tão pouco recorrente ouvirmos um Bolsonaro, um Trump, um André Ventura e seus aliados bradarem que é necessário proteger a todo o custo essa tal instituição que seria esse tal modelo de família. Seria muito fácil apontar o dedo a essas … Continue reading O Chega e a grande máquina de bebés a baixo preço

A caça ao “identitarismo” como forma de aliança ideológica com a burguesia: um debate necessário

Eu sou uma das pessoas que advoga veementemente que o debate sobre as acusações de “desvios identitários” é necessário porque constitui ou um avanço ou retrocesso na luta da classe trabalhadora. Através dele podemos dar um ou mais passos adiante no sentido de rompimento com a expressão das relações ideais da classe dominante. Posto isto, … Continue reading A caça ao “identitarismo” como forma de aliança ideológica com a burguesia: um debate necessário